Cinco bons livros para encarar o novo ano de frente

Dois mil e vinte e dois se aproxima. É certo que os dois últimos anos não foram fáceis para ninguém, mas a virada costuma ser um momento de buscar boas e novas perspectivas — coisa que a literatura, como os cinco livros indicados abaixo mostram, pode proporcionar.

Mas não se engane. Esse exercício, o de encarar o mundo e a si mesmo de formas diferentes, pode exigir algum esforço. Para ajudar no processo de autoconhecimento, então, nada melhor que autores experientes de diversos ramos, incluindo um filósofo estoico milenar.

Roube como um artista: 10 dicas sobre criatividade
Austin Kleon

Se um dia você se pegou pensando em como diabos aquele artista conseguiu realizar tamanha façanha, independentemente da forma de expressão utilizada, saiba que ele — muito provavelmente — tem muitas referências. A criatividade, afinal, não é um passe de mágica; exercê-la depende de trabalho constante e de não se deixar levar pela ideia errônea de que é possível reinventar a roda. Além disso, é uma maneira muito útil de criar mundos e se deslocar deste “real”, quando as coisas ficam muito difíceis. Um bom pontapé inicial, segundo os ensinamentos do norte-americano Austin Kleon, é começar imitando quem você gosta. Até que a sua própria voz, como costumam se referir à maneira “autêntica” de alguém se expressar, sobreponha a imitação. Um criativo que se preze deve ser, portanto, um bom ladrão. “A única arte que estudarei é aquela que contém o que eu possa roubar”, disse David Bowie. Quem somos nós para discordar? E, se o seu lance for mais literário, aproveite esta dica de Kleon para, em 2022, pôr a mão na massa: “Escreva o livro que você quer ler”.

Roube como um artista: 10 dicas sobre criatividade
Austin Kleon
Trad.: Leonardo Villa-Forte
Rocco
160 págs.

Manual de Epicteto: a arte de viver melhor
Epicteto

Em um século tão apegado à imagem e aos bens materiais, uma dose de filosofia estoica — que preza pela prosperidade interior e está sempre à procura da melhor maneira de se agir em meio às adversidades — vem bem a calhar. Ainda mais quando ministrada por um de seus representantes clássicos, o grego Epicteto, cujos ensinamentos reverberaram em Roma e influenciaram gente como o imperador Marco Aurélio, ele próprio autor de um conjunto de ensinamentos estoicos, o Meditações. Nos 53 aforismos reunidos neste Manual, um dos discípulos do pensador compilou reflexões que buscam exercitar virtudes como tolerância, benevolência e simplicidade. “Entre as coisas que existem, há aquelas subordinas a nós e as não subordinadas a nós”, diz um dos textos, levantando um ponto que pode parecer óbvio, mas na prática é difícil de apreender: o de que o mundo não gira em torno de nossas vontades.

Manual de Epicteto: a arte de viver melhor
Epicteto
Trad.: Edson Bini
Edipro
96 págs. 

A vida depois da perda
Martha W. Hickman

Os anos pandêmicos parecem ter colocado o mundo em um estado permanente de luto — sentimento que a Bienal 360o abordou, ouvindo especialistas em saúde mental. A vida depois da perda, escrito após a autora perder a filha de 16 anos em um acidente, traz 365 mensagens que buscam apaziguar o coração de quem está lidando com o duro processo de assimilar a ausência de um ente querido. Aos que precisam acalmar a alma neste ano vindouro, Martha W. Hickman (1925-2015) deixa palavras como estas: “Que eu saiba honrar os processos de luto e de cura e confiar neles, tendo a esperança de que, com o tempo, um novo dia chegará”.

A vida depois da perda
Martha W. Hickman
Trad.: Simone Resiner
Sextante
384 págs.

Mindset: a nova psicologia do sucesso
Carol S. Dweck

A atitude mental diante do mundo, ou o mindset, tem consequências bastante sérias na sua trajetória — é o que a doutora Carol S. Dweck demonstra neste livro, fruto de uma pesquisa realizada ao longo de décadas. “Meu trabalho faz parte de uma tradição da psicologia que mostra o poder das crenças pessoais”, anota a autora na introdução. “Podemos ter ou não consciência dessas crenças, mas elas têm forte influência sobre aquilo que desejamos e sobre nossas chances de consegui-lo.” Além de demonstrar diferentes tipos de mindset existentes, Carol oferece lições práticas de como alimentar ou descartar as crenças pessoais que temos de nós mesmos — essas que podem nos influenciar para o bem ou para o mal.

Mindset: a nova psicologia do sucesso
Carol S. Dweck
Trad.: S. Duarte
Objetiva
312 págs.

12 regras para a vida: um antídoto para o caos
Jordan B. Peterson

Para a vida se tornar um caos completo é um piscar de olhos. Em um século marcado pelo acúmulo de afazeres e a aparente impossibilidade de se “desligar” um pouco do mundo devido à onipresença das redes sociais, um dos pensadores contemporâneos mais relevantes oferece 12 regras — elaboradas ao longo de sua extensa trajetória como psicólogo clínico e também fundamentadas em sabedorias milenares, como as bíblicas — para que a escuridão, à qual é tão fácil de se entregar, não domine o brilho possível da vida. Para que você possa sentir que a existência, mesmo nos piores momentos, pode ter sentido. “Às vezes essas regras são exigentes”, anota o psiquiatra Norman Doidge, amigo de Peterson, no prefácio. “Desenvolver-se além das barreiras do seu eu atual requer uma escolha cuidadosa de ideias e a busca delas: ideias que estão lá em cima, acima de você, superiores a você — e que nem sempre você terá certeza se pode alcançar.”

12 regras para a vida: um antídoto para o caos
Jordan B. Peterson
Trad.: Alberto G. Streicher e Wendy Campos
Alta Books
448 págs.